HomeA RAFClientesNotíciasServiçosFale ConoscoÁrea RestritaBusca   
» Notícias
» Arquivos e Imagens
» Clientes
» Serviços
» Cadastro
» Blog da RAF


Adetax
Você é autorizado a copiar o conteúdo desta página. Clique para saber mais.
No ar desde: 29 de outubro de 2007
O passo a passo para trabalhar como motorista de táxi
Para atuar na profissão, é preciso ter um cadastro pessoal e intransferível, o Condutax

 

A profissão de taxista é procurada por muitos que desejam uma oportunidade de trabalho. Apenas em São Paulo, 54 frotas de táxis empregam cerca de 3.300 taxistas.

As frotas são, inclusive, a opção mais procurada para quem quer se tornar taxista, justamente pela facilidade e variedade de benefícios oferecidos, além de não necessitar de nenhum investimento inicial.

Além de gostar de dirigir, um bom taxista precisa saber lidar com o público e ser prestativo. Outras características importantes são a paciência, a cordialidade e a atenção.

Em São Paulo, assim em outras cidades do Brasil, todo taxista precisa ter o CONDUTAX, cadastro pessoal e intransferível que habilita o cidadão (pessoa física) a exercer esta atividade. E o veículo que irá circular como táxi também necessita de uma licença emitida pelo Poder Municipal, chamada ALVARÁ DE ESTACIONAMENTO (livre ou privativo).

Como conseguir um Condutax?

Para obter o Condutax, o interessado deve apresentar no Departamento de Transportes Públicos (DTP/SMT) a documentação necessária e pagar o valor de expedição do cadastro, já inclusas a taxa de expediente e bancária.

O Condutax é emitido no mesmo dia e vale por cinco anos ou até a renovação da Carteira Nacional de Habilitação (CNH), quando esta ocorrer antes.

Uma das exigências é apresentar o comprovante de realização do Curso Especial de Treinamento e Orientação, que pode ser feito em qualquer uma das escolas autorizadas pelo DTP ou mesmo no Cetet (Centro de Educação de Trânsito/CET).

O curso tem carga horária fixa mínima de 32 horas de aula, preço não tabelado, e aborda, entre outras técnicas, direção defensiva e primeiros socorros (veja a lista dos cursos credenciados).

Quais são os documentos requeridos para obter o Condutax?

Para requerer o Condutax o candidato deve apresentar original e cópia simples, ou cópia autenticada, dos seguintes documentos:

RG
CPF
CNH profissional
Comprovante de residência
Certidões de Distribuição e Execução Criminal
Certificado de conclusão do Curso Especial de Treinamento e Orientação.

Para a expedição do cadastro, é necessário pagar uma taxa de R$ 61. 

Onde trabalhar: três opções

Após concluir o curso de formação de condutores, em escolas credenciadas pela Prefeitura e obter seu Condutax, o taxista recém- formado tem três opções:

  • Trabalhar como Taxista de Frota

Desde 1969, na cidade de São Paulo, a exemplo das maiores cidades do mundo, existem as Frotas de Taxi, que oferecem vagas para Taxistas que não querem investir na compra de um taxi. Em São Paulo, existem 58 frotas, que em conjunto oferecem cerca de 3.300 vagas ou cerca de 10% do total. Em recente pesquisa, realizada em escolas de formação de condutores, trabalhar numa frota foi a opção preferida para a maioria dos entrevistados. Esse número tende a ser ainda maior quando o aluno se forma e começa a pesquisar a compra de um taxi próprio. Nas frotas de taxis, existem taxistas que trabalham há 20 anos na mesma empresa. Há inclusive famílias inteiras, que escolheram ser taxistas. As frotas servem também de experiência para o taxista antes dele comprar seu próprio táxi, se esta for sua opção. Ao invés dele disponibilizar todo seu capital na compra do veículo e alvará, ele pode deixar seu dinheiro aplicado e trabalhar numa frota. Se gostar da nova profissão escolhida, ele já terá adquirido experiência necessária e a certeza de um bom investimento.Muitos dos atuais taxistas particulares já trabalharam em uma frota. As frotas de táxis sempre estiveram presentes na vida destes taxistas.

  • Comprar seu próprio táxi

Como em qualquer lugar do mundo, o mercado de taxis é restrito e a emissão de alvarás (licença do veículo) é controlada pelo Órgão Público. No Brasil, este controle cabe ao Município. Portanto, para ter seu próprio táxi, além de comprar um veículo nos padrões exigidos pelo Município, o interessado deve obter um alvará, que é comercializado por terceiros ou pelo proprietário de um alvará (licença). Após comprar o alvará e o veículo, o interessado deve colocar o taxímetro e pagar as taxas municipais. Recomenda-se que o interessado também faça um seguro do veículo e poupe para a manutenção e troca do veículo.

  • Trabalhar como Taxista Co-proprietário / Auxiliar

A Lei 13.115, de 6 de abril de 2001, regulamentada pelo Decreto 40.774, de 20 de junho do mesmo ano, criou a figura do "autônomo complementar". É uma combinação contratual privada entre dois motoristas autônomos. Um deles é o titular do alvará e o segundo motorista pode ser um co-proprietário ou um motorista auxiliar com autorização do DTP para dividir o carro com o titular. A diferença entre eles é que o primeiro tem participação na propriedade do veículo e é segundo titular do alvará; e o segundo apenas tem autorização para dirigir e, portanto, explorar o carro licenciado. A relação entre os motoristas envolve o pagamento de uma taxa diária ao permissionário. Questões como seguro do veículo, manutenção, troca do veículo, bem como taxas Municipais são combinadas entre as partes.

 
Relação das escolas autorizadas a ministrar o Curso para Taxistas

Esta é a lista das Escolinhas autorizadas pela Prefeitura para promover o curso de Taxista:
(em ordem alfabética:)

CECON TREINAMENTOS
Rua Dr Djalma Pinheiro Franco 1022 Sala 01- VL Sanata Catarina
Fones: 3464-1802 /5566-3738

CET
Av. Marquês de São Vicente, 2154 - Barra Funda
Fone: 3871-8600 / 3871-8610

EDUCATRAN 1
Av. Engº Armando de Arruda Pereira, 439 - Jabaquara
Fone: 5583-0456 / 5589-4329

EDUCATRAN 2
Av. Jabaquara, 347 - Mirandópolis
Fone: 5072-6687 / 5072-6694

EDUCATRAN 3
Av.do Cursino, 329 - Saúde
Fone: 5061-7740 / 5061-9064

GOLDEN CAR
Rua Leopoldo de Freitas, 817 - Vila Matilde
Fone: 6684-8532 / 6684-2815

JOIA
Rua Turiassu, 1048 - Perdizes
Tel: 3862-9007

MARCONI
Rua Oscar Freire, 2095 - Cerqueira César
Fone: 3081-4930 / 3063-9733

NOVA VILA SÔNIA
Rua Suzana Rodrigues, 344 - Santo Amaro
Fone: 5524-6267 / 5686-5999

SENAT 1
Av. Candido Portinari, 1100 - Vila Jaraguá
Fone: 3621-8080 / 3621-4500

SENAT 2
Rua Alfredo Guedes, 209 - Carandiru
Fone: 6959-6681

 

 

RAF Comunicação
Assessoria de Imprensa
Tel: 55-11- 5573-8916
www.raf.com.br





 

RAF Comunicação
contato@raf.com.br
Vila Mariana
- São Paulo - SP
(0xx11) 5573-8916
 


  RAF Comunicação

Com ênfase em conteúdos, a RAF Comunicação presta todos os serviços de Relações Públicas, do planejamento à execução, conforme a necessidade de cada cliente. Destaque para Assessoria de Imprensa e Redes Sociais. A Empresa está no mercado desde 1993.
Quem recomenda a RAF